Responsive Ad Slot

Últimas notícias

latest

Cidade

cidade

Policial

policial

Norte de Minas

nortedeminas

Esporte

esporte

Eventos

evento

VIDEO

video

Fotos

fotos

Economia

“Capoeira, Arte e Saber” : Projeto de Cultura Afro é premiado em Pirapora

Nenhum comentário

Projeto piraporense de capoeira infantil é destaque estadual no Prêmio ‘Afromineiridades’ da SECULT-MG

Redação PN

Foto: Divulgação

O Projeto “Capoeira, Arte e Saber”, tendo à frente a Mestra Lu Baobá e o Mestre Careca, foi contemplado com o Prêmio Afromineiridades, concedido pela Secretaria de Estado da Cultura e Turismo (SECULT-MG). Esta importante iniciativa piraporense está levando a cultura da capoeira para crianças de 3 a 5 anos de idade, residentes nos bairros periféricos.

O objetivo do projeto é transmitir a sabedoria ancestral da capoeira angola e capoeira regional para as novas gerações, protegendo e perpetuando essa rica tradição cultural. Com aulas gratuitas, lúdicas e envolventes, o projeto promove o encantamento das crianças pela cultura afrobrasileira, valorizando a herança da capoeiragem.

Contribuições, benefícios e conexões



Os Mestres Lu Baobá e Careca são personalidades de destaque na comunidade capoeirista de Pirapora e região, com vasta experiência e dedicação ao ensino desta arte. Na equipe do projeto estão ainda o Produtor cultural Jean Matheus (Contador de histórias e brincante) e os parceiros - Grupo de Capoeira Amaê Berimbarte e a Biblioteca Tamboril. 


“A capoeira na primeira infância contribui para o desenvolvimento de habilidades emocionais e motoras, equilíbrio e coordenação através de atividades divertidas e desafiadoras”, explicou Lu Baobá. O projeto permite que as crianças piraporenses se conectem com suas raízes afro-brasileiras; reforça o compromisso com a preservação cultural; e promove um espaço de aprendizado coletivo para as futuras gerações.

Policia prende "Dinamá das crianças", o palhaço estuprador de Várzea da Palma - condenado a 137 anos de prisão

Nenhum comentário


Procurado pela justiça desde 2021, o maníaco sexual que chocou Várzea da Palma estava escondido em BH

Redação PN


A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) prendeu um crminoso condenado a 137 anos de prisão pela série de estupros cometido contra 15 crianças e adolescentes. Ele estava foragido da Justiça de Várzea da Palma, e foi localizado escondido em Belo Horizonte. 

Com base em informações repassadas pela equipe varzeapalmense da PCMG, a Coordenadoria de Operações especiais (COE) realizou o rastreamento do foragido até o Bairro Copacabana, periferia da capital. Ele usava o nome falso de "João".


Dinamá Pereira de Resende foi condenado por abusar sexualmente de várias crianças e adolescentes na década de 1990. O inquérito policial foi concluído em janeiro/2020, com pedido de indiciamento. Em 2021 ele foi condenado pela justiça varzeapalmense.

Eventos culturais, religiosos e estupros


As investigações começaram em 2019 após as vítimas denunciaram que foram estupradas na infância. "Dinamá das crianças" como era conhecido, se vestia de palhaço e promovia várias atividades culturais e religiosas com os menores.

As investigações apontaram que Dinamá criava os grupos infantis para ter acesso "principalmente a crianças carentes, que viviam em lares sem estrutura mínima, de extrema vulnerabilidade”. Assim, cometia os crimes sexuais.

A primeira denúncia pública contra o palhaço ocorreu em outubro/2018. Em depoimento à polícia, o maníaco sexual relatou ter atendido mais de 5 mil menores, levantando a suspeita que o número de vítimas possa ter sido muito maior.


Com informação PCMG | TJMG

Destaque na semana: Pirapora volta à seleção brasileira após 31 anos

Nenhum comentário


Redação PN

Foto: Comunicação Cruzeiro E.C

O atacante Robert, do Cruzeiro, 19 anos, foi convocado para a Seleção Brasileira sub-20, pelo Técnico Ramon Menezes, para o período de treinamentos na Granja Comary, em junho. Será o início da preparação para a disputa do Sul-Americano da categoria. 

A convocação para vestir a "amarelinha" foi bastante comemorada pelos familiares, amigos, fãs e torcedores de Robert em Pirapora e região. Ele iniciou a carreira no Cruzeiro com apenas 11 anos, conquistou títulos na base e está no time profissional desde 2023.

O Sul-Americano vale classificação para a Mundial sub-20 da FIFA. A última convocação de um piraporense para seleção brasileira de futebol ocorreu em 1993, na grande fase vivida pelo craque Luiz Henrique - ex Bahia, Palmeiras, Monaco/França e Fluminense.

Coluna: O Jornalismo Esportivo em luto

Nenhum comentário

 Coluna Visão do Esporte

por Hebert Vinicius 

O Jornalismo Esportivo em luto

Fotos: Divulgação

A comunicação esportiva chora a perda de três grandes referências: Silvio Luiz, Antero Greco e Washington Rodrigues (Apolinho). Para tentar dimensionar essas perdas, antes de tudo, é fundamental pontuar que o Jornalismo Esportivo e todo o seu universo, vai muito além de mais uma editoria da prática jornalística. Não é apenas fazer cobertura e noticiar jogos, resultados ou marcas. É influenciar na cultura de um país, na formação de gerações e, sobretudo, na humanização da sociedade, dentre outros inúmeros aspectos.

Silvio Luiz é um dos maiores narradores da história. Bordões, irreverência e inovação fizeram dele um personagem do esporte brasileiro. Antero Greco tinha como marca registrada a fusão da inteligência com a ponderação e um carisma que o fazia permear nos corações de todos os torcedores do país, seja com comentários favoráveis ou não aos seus times. 

E sobre o Apolinho, além de todo o legado como profissional que esteve presente em 14 Copas do Mundo e criador de centenas de expressões populares, vai ficar na história do futebol brasileiro pelo episódio em que assumiu o comando técnico do Flamengo, em 1995, quando, mesmo sendo jornalista de profissão, mostrou a competência que muitos grandes treinadores não conseguiram mostrar no time que tinha “o melhor ataque do mundo”, Romário, Edmundo e Sávio.




Contato:
 hebertvinicius11@gmail.com 
 facebook.com/hebertvinicius11 
 instagram.com/hebertvinicius11/
38 9969-5353s






*O conteúdo e imagens publicadas são de inteira responsabilidade de seu autor e não reflete a opinião do site


Pirapora, Buritizeiro e Montes Claros na rota da gigante da celulose: R$ 20 bilhões em investimentos

Nenhum comentário

 Redação PN

Foto: Shutterstock

A empresa Paper Excellence vem mantendo negociações para estabelecer uma nova fábrica de celulose no Brasil, com investimento global estimado em R$ 20 bilhões. Segundo fontes ligadas aos setores florestal e de celulose, Minas Gerais seria a preferência para receber o mega empreendimento, com capacidade prevista de produzir R$ 2,5 milhões de toneladas/ano. 

Já teriam sido identificados 4 municípios em condições para a instalação da fábrica - caso a Paper confirme avançar o seu novo projeto em terras mineiras: Montes Claros, Pirapora, Buritizeiro e Grão Mogol, com imensa oferta de terras e volume de eucaliptos. As discussões e negociações ainda encontram-se em fase inicial e até agora nenhum acordo formal foi firmado.

Além de apresentadas pela Invest Minas - Agência de promoção de investimentos do estado -, as 4 áreas foram avaliadas por um levantamento técnico da consultoria Canopy, analisando a oferta de eucalipto na região para abastecer a empresa. O governo estadual listou os benefícios de investir no Norte de Minas, como localização, redes de transporte, mão-de-obra, incentivos fiscais e isenções para energias renováveis.  

Produtores e terras em Pirapora e Buritizeiro

Em um trecho de 200 km, entre Pirapora e Buritizeiro, 28 produtores de eucalipto e proprietários de terras informaram a existência de 466 mil hectares de áreas plantadas e mais 380,5 mil hectares para novos plantios. A Paper estaria interessada em estabelecer contratos de fornecimento de madeira para a futura fábrica, em vez de adquirir terras, devido às restrições legais à compra por estrangeiros no país.

Terminal de cargas da VLI em Pirapora 

A VLI, responsável pelo Terminal integrador de Pirapora/TIPI, também está interessada na negociação para atender o volume anual de cargas do projeto. Além da participação de 49,41% na empresa Eldorado, que produziu 1,78 milhão de toneladas de celulose na fábrica em Três Lagoas (Mato Grosso do Sul), a Paper Excellence possui mais 6 fábricas de celulose e papel no Canadá, produzindo 2,5 milhões de toneladas por ano.

Três pessoas feridas após carro colidir com caminhão estacionado em Buritizeiro; Entre os feridos estavam duas crianças

Nenhum comentário
Foto: ASCOM/PMB

Três pessoas ficaram feridas após o carro em que estavam bater em um caminhão, no bairro São Francisco, em Buritizeiro, nesse último domingo (12). Entre os feridos, estavam duas crianças.

De acordo com a Polícia Militar, testemunhas disseram que o motorista dirigia em alta velocidade, e acabou perdendo o controle da direção e bateu na traseira do caminhão que estava estacionado no acostamento da rua.

As duas crianças que estavam no carro, de 6 e 8 anos, eram sobrinhas do motorista e tiveram diversos ferimentos. Elas foram socorridas e levadas por populares para o hospital Municipal de Buritizeiro.

Uma equipe do Samu foi chamada ao local do acidente e prestou os primeiros socorros ao homem. Ele foi encaminhado para a Fundação Hospitalar Dr. Moisés Magalhães Freire, em Pirapora. A direção do hospital informou que o motorista recebeu alta, nesta segunda-feira (13).

Ainda de acordo com a PM, o veículo ficou com toda a parte da frente danificada. Além disso, os militares descobriram que o homem que conduzia o carro não possuía carteira de habilitação.

[com informações do Web Terra]

Fim da espera: Governo autoriza recuperação da rodovia MG-496 entre Corinto e Pirapora

Nenhum comentário


Trecho com 135,8 km será a maior obra em execução no estado, beneficiando mais de 140 mil habitantes em 5 cidades

Redação PN


Fotos: Dirceu Aurélio / Imprensa MG

Com as presenças do Vice-governador Prof. Mateus, prefeitos, vereadores, deputados e convidados, o Governo de Minas autorizou, na manhã de sexta-feira (10/05), em Lassance, o início das obras de recuperação dos 135,8 km da rodovia MG-496, entre Pirapora e Corinto.

A recuperação da estrada vai beneficiar, direta e indiretamente, mais de 140 mil moradores (nos municípios de Corinto, Lassance, Várzea da Palma, Pirapora e Buritizeiro), além do trânsito rodoviário entre as regiões Norte e Centro de Minas.


Os investimentos somam R$ 117 milhões, disse o Secretário de Estado de Infraestrutura, Pedro Bruno. “Um dia histórico para todos os municípios da microrregião, pela importância dessa obra. Após tantos reclames e reivindicações, uma grande conquista”, discursou o Prefeito de Lassance, Paulo Elias Rodrigues.

Canteiro de obras


“O recurso já está em caixa; a empresa responsável está com um canteiro de obras sendo montado (próximo a Pirapora); a usina de asfalto já chegou e está fazendo estoque de material para iniciar a obra em até 15 dias”, declarou o Diretor do Departamento Estadual de Estradas de Rodagem (DER-MG), Rodrigo Tavares.

Importância econômica 

A MG-496 está localizada numa região de vocação para o agronegócio - frutas, grãos e plantio de eucalipto (para produção de carvão vegetal). Além disso, Pirapora e Várzea da Palma são importantres polos industriais de silício metálico, ferroligas e têxteis. 

Todos dependem das boas condições de mobilidade para escoar suas produções, uma vez que a estrada 496 serve de alternativa de tráfego à rodovia BR-135.

© all rights reserved
made with by templateszoo